21 de dezembro de 2009

O Natal, nós e o aniversariante



"Porque um menino nos nasceu, um filho se nos deu; o governo está sobre os seus ombros; e o seu nome será: Maravilhoso Conselheiro, Deus forte, Pai da eternidade, Príncipe da Paz." (Isaías 9:6)

Estamos na semana do Natal. às vésperas de comemorarmos o nascimento daquele que veio ao mundo para resgatar o pecador da perdição (e isso não é apenas uma frase feita ou figura de linguagem), muitas vezes nos ocupamos com tudo menos com o verdadeiro sentido desta data. São muitas as preocupações: ´presentes, ceias, decoração de nossas casas, receber visitas, agradar a todos...mas o aniversariante fica esquecido a um cantinho escuro de nossas mentes. No afã de agradar a todos que nos rodeiam nos esquecemos de agradar a quem de fato é preciso. No afã de seguir tradições, muitas vezes nos esquecemos de passar aos nosso filhos o que realmente significa o Natal. Preferimos falar do bom velhinho do que contar aos nossos filhos a maravilhosa história (e verdadeira) dos reis magos montados em camelos andando dias a fio atrás de uma
estrela reluzente, de presentes valiosos que estes mesmos reis levaram ao recém nascido, de um casal que foge com a esposa montada em um burrinho, de um estábulo cheio de animaizinhos que presenciaram o nascimento do Rei dos reis, do príncipe da Paz, daquele que um dia viria a dividir a história no Antes e no Depois dEle: Jesus o Cristo Salvador. Tão linda história...mas tão pouco contada nos dias de hoje. Muitas crianças ao serem perguntadas o que é o Natal, elas dizem: "É o dia em que o Papai Noel traz nossos presentes e pões debaixo da árvore". Não que eu queira fazer apologia contra o "bom velhinho" (e há controvérsias nessa história de bom, porque é uma bonita figura. Mas as crianças que estão na favela, as abandonadas, as órfãs...podem não achá-lo tão bom assim). Mas tenho sim, uma grande tristeza em sentir que o Natal não tem mais o clima de antes , da época em que eu era criança, onde mesmo eu acreditando em "papai noel" ainda assim sabia que ele apenas pegava carona no Natal que verdadeiramente era de Jesus Cristo, que ele era o aniversariante, pois foi assim que minha mãe e minha tia me ensinaram. E gostaria muito que todas as crianças ao serem perguntadas sobre o que é o Natal, respondessem simplesmente: "É o aniversário de Jesus". Procuro passar isso para meu filho da melhor forma possível. Não quero que pensem que não gosto do Natal, pelo contrário, eu amo! Amo tradições, amo ceias de Natal, amo as trocas de presentes...mas além disso e sobre tudo isso....amo Jesus Cristo! E para Ele toda honra, toda glória, todo louvor, toda adoração! E ao Senhor eu digo: Obrigada por ter nascido, obrigada por ter vivido entre nós, obrigada por tudo que tem feito, pois no Natal quem realmente ganha o presente somos nós!
E o meu desejo para todas as minhas amigas e amigos que me visitam neste blog, é que vocês tenham um Natal ABENÇOADO, cheio de paz, de felicidades, de alegrias e paz de espírito. E que nos aque se iniciará, as boas novas reinem sempre em seus corações e de todos os seus queridos!
Boas festas, feliz Natal e feliz ano novo!

Com carinho,

5 comentários:

Fabiana disse...

Ana, parabéns pelo texto, belíssimo e super verdadeiro!
Tenha um ótimo Natal!
Bjão!

Cláudia Ramalho disse...

Ana, feliz natal! Que 2010 seja melhor do que foi 2009 e que seu filhinho melhore a cada dia. Rezo por vc.
Foi legal tê-la na minha vida virtual em 2009.
Um cheiro.

Nayara disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Nayara disse...

Ana amiga!!! Pessoalmente não tenho nada contra o FALECIDO Nicolaus (hoje chamado Papai Noel), mas sou totalmente contra a seu presença no Natal. Ele quase sempre fica sendo o protagonista da festa. Além, disso pra mim ele não é meu pai, muito menos tem as caracteriticas que lhe são atribuidas. Dão a "Papai" Noel os mesmos atributos de Deus. "Papai" Noel não é ONICIENTE para saber se uma criança foi bem ou mal comportada! Mesmo morto ele não tem atributo pra isso, nem nada pode fazer por nós (é só lermos Lucas 16, Isaías, eclesiastes). "Papai" Noel também não é ONIPRESENTE!!! Que pode estar em todos os lugares ao mesmo tempo. "Papai" Noel não é ONIPOTENTE, que tem poder para realizar nossos sonhos. "Papai" Noel é um ídolo! E somente devemos ter um ídolo em nossa vida: Jesus Cristo.
Algo me diz que tu já sabes tudo isso, mas como não adivinho (pois é pecado), preferi te falar.
Sabes o que há por trás de cada figura, imagem de Papai Noel, e a quem estamos consagrando quando nos dirigimos a ele.O apostolo Paulo fala isso em sua Carta aos Corintios. Seria bom que, se voce não conhece, voce mesma leia.
Bom, mas cada um anda conforme a sua fé..
Não devemos adorar a Deus da forma que ACHAMOS, mas com ELE como ELE determina.
Beijos no seu coração, e que o amor de Deus em nós, faça que suportemos tudo, soframos tudo.
Amada desejo para voce o mesmo espero pra mim nesse ano que começa: QUE NÓS DUAS SEJAMOS JESUS NA VIDA DE CADA PESSOA, QUE MUITOS POSSAM A VIR CONHECER JESUS POR NOSSO MEIO. QUANDO ALGUÉM PERGUNTAR COMO É JESUS, POSSAMOS RESPONDER: OLHA PRA MIM!!!!

Fabi Carvalhos disse...

Ana, estou na correria, em falata com os amigos, mas não pdoeria deixar de passar nos blogs queridos, como o seu, p/ deixar um beijo e desejar um ano novo repleto de alegrias, saúde, realizações e amor. Feliz Ano Novo! Beijão, Fabi.